Prefeitura doa terreno para instalação do Centro de Referência do IFPR em Ponta Grossa

Publicado em

As autoridades citadas no texto aparecem na foto, tirada no Gabinete da Prefeita de Ponta Grossa.
Com o CR de Ponta Grossa, o IFPR totaliza 29 unidades que ofertam ensino presencial (20 campi; seis campi avançados e três centros de referência). Além disso, outros dois centros estão em fase de estudos e implantação. 

Foi realizada na tarde desta quarta-feira (6) a cerimônia de assinatura da escritura de doação do terreno onde está sendo implantado o Centro de Referência do IFPR em Ponta Grossa.

A nova unidade educacional está sendo implantada no imóvel contíguo ao Campus Ponta Grossa da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), no bairro Jardim Carvalho, próximo ao centro da cidade.

O terreno tem área total de 41,5 mil m² e, de acordo com a escritura pública de doação, valor de, aproximadamente, R$ 2 milhões.

Vinculado ao Campus Curitiba do IFPR, o Centro de Referência de Ponta Grossa passa a integrar o Parque Ecotecnológico Professor Sérgio Escorsim, que reúne universidades, como a UTFPR e a Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), entre outras instituições e empresas de Tecnologia, Pesquisa e Inovação.

“Esta é mais uma ação do IFPR visando proporcionar, de forma mais ampla possível, o acesso à Educação pública, gratuita, de qualidade e socialmente referenciada”, comentou o reitor Odacir Antonio Zanatta durante a cerimônia.

Além do reitor do IFPR, participaram da solenidade, realizada na sede da Prefeitura, a prefeita Elizabeth Silveira Schmidt; Sandro Alex, deputado federal licenciado e secretário de Estado de Infraestrutura e Logística e os reitores da UTFPR, Marcos Schiefler Filho, e da UEPG, Miguel Sanches Neto.

Reitor assina a escritura de doação do terreno

Em atividade

No mês de agosto, tiveram início em Ponta Grossa as atividades do curso técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio, o primeiro curso presencial ofertado pelo Instituto no município. Para 2022, está prevista a implantação de outro curso técnico integrado, o de Mecânica.

Voltados a quem já concluiu o Ensino Fundamental, os cursos técnicos integrados são organizados de modo que o estudante possa cursar o Ensino Médio ao mesmo tempo em que adquire uma habilitação profissional técnica de nível médio.

Processo seletivo

A partir do ano que vem, o ingresso de alunos para a nova unidade será realizado por meio de um processo seletivo geral, por meio do qual, anualmente, são preenchidas as vagas para os cursos técnicos e superiores das demais unidades do IFPR.

IFPR em Ponta Grossa

O centro de referência do Instituto em Ponta Grossa preenche a lacuna de ensino técnico gratuito na região, que não é oferecido desde que a UTFPR descontinuou a oferta desse nível de ensino para concentrar sua atuação nos cursos superiores e de pós-graduação.

“Nesse sentido, a ideia é a de que os cursos do IFPR em Ponta Grossa promovam Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação, com foco na qualificação profissional, possibilitando a verticalização de ensino entre os cursos de nível médio (do Instituto) e superior (da Universidade), maximizando, com isso, a utilização de recursos públicos federais, tendo em vista que os convênios firmados preveem a utilização de estruturas já existentes da UTFPR, como laboratórios, refeitório e ginásio poliesportivo”, lembra Adriano Stadler, coordenador do CR.

Parcerias

A instalação deste centro de referência está sendo viabilizada a partir da parceria entre IFPR, UTFPR e Prefeitura Municipal, que contam com o apoio da bancada de deputados federais do Paraná. Além da doação do imóvel por parte da Prefeitura, uma emenda parlamentar no valor de R$ 800 mil, concedida pelos deputados Sandro Alex e Reinhold Stephanes Junior, cobre os valores iniciais de instalação e de custeio. Para os exercícios seguintes, há a expectativa de manutenção desses investimentos, fundamentais para a consolidação do IFPR em Ponta Grossa.

Leia mais

Topo