/ notícias / IFPR realiza seu primeiro depósito de registro de desenho industrial junto ao INPI

IFPR realiza seu primeiro depósito de registro de desenho industrial junto ao INPI

Publicado em

Imagem mostra desenho do motor stirling desenvolvido pelo pesquisador Fabiano Stingelin Cardoso
Diferencial do projeto está nos dissipadores de calor e no microgerador conectado diretamente ao eixo do virabrequim.

A Agência de Inovação (Agif/IFPR) realizou o primeiro pedido de registro de desenho industrial do IFPR junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi).

O registro diz respeito ao projeto “Configuração aplicada a/em motor stirling”, de autoria do professor Fabiano Stingelin Cardoso, que atua nos cursos ligados à área de Informática do Campus Ivaiporã.

O projeto consiste em um hardware voltado ao resfriamento de servidores em datacenters refrigerados por fluído líquido.

Pedido de registro foi solicitado pela Agif/IFPR no final de setembro de 2020.

O professor explica que, com o aumento dos núcleos de processamento nos chips dos processadores nos últimos anos, o arrefecimento por ventilação (cooler) vem se tornando ineficaz, motivo pelo qual a diminuição da temperatura dos equipamentos e ambientes de datacenters por refrigeração com fluído líquido tem se tornado tendência.

Nesse sentido, o motor stirling tem dupla aplicabilidade: melhora a eficiência dos computadores e gera energia elétrica.

Levantamento da Consultoria Gartner Group, realizado em 2017, demonstrou que 1% de toda a energia gerada no planeta é absorvida pelos grandes datacenters. Metade dessa energia é consumida pelo funcionamento dos servidores e a outra metade pelos sistemas de ar-condicionado que regulam a temperatura das salas onde ficam esses computadores.

Ideia do projeto é aumentar eficiência do arrefecimento de datacenters, além de gerar energia elétrica a partir do calor dissipado pelo hardware desses ambientes.

“Visto que o motor stirling é um mecanismo que aproveita uma fonte de calor e a transforma em força motriz, a pesquisa é aplicada para o aproveitamento do calor de milhares de unidades de processamento de dados presentes nesses datacenters; isso diminui a necessidade de resfriamento desses ambientes e, através de microgeradores de energia acoplados aos motores stirling, transforma a força motriz em cogeração elétrica”, explica o pesquisador.

O projeto conta com a discretização das equações que regem os fenômenos de transferência e também possui o protótipo do modelo tridimensional. “O próximo passo consiste na aplicação de malhas no modelo 3D para a realização da simulação computacional CFD (Computational Fluid Dynamics) ”, conta o pesquisador.

A expectativa é a de que, com os dados validados, sejam obtidos investimentos para transformar o protótipo em um produto de cogeração de energia elétrica para ambientes de datacenters refrigerados com fluído líquido.

Nesse sentido, o registro desse desenho é fundamental, pois não foram encontrados outros registros de produtos ou projetos com essa finalidade.

Agif

No IFPR, a Agif, vinculada à Proeppi, é o órgão responsável pelos depósitos dos pedidos de patentes; de desenho industrial; de registros de marca e também de programas de computadores. Em breve, a agência também passará a realizar registros de indicação geográfica.

Leia mais

Topo