Instituto Federal do Paraná Marca do IFPR INSTITUTO FEDERAL Paraná
Início notícias Em conferência no MIT, estudantes do IFPR destacam-se com trabalhos de inovação tecnológica

Em conferência no MIT, estudantes do IFPR destacam-se com trabalhos de inovação tecnológica

Publicado em

Fotografia colorida em ambiente externo. Em primeiro plano, estão os sete estudantes do Campus Capanema, eles estão lado a lado, abraçados, de costas. Um deles segura uma bandeira do Brasil, veste-a como se fosse uma capa. O grupo olha a fachada da universidade MIT, que está ao fundo.
Estudantes do Campus Capanema apresentam projetos de inovação tecnológica em conferência internacional no MIT

André, Augusto, Djeisson, Ellen, Kellerman, Murilo e Samuel. Grave bem esses nomes! O grupo de sete estudantes do Campus Capanema fez história ao levar para o Massachusetts Institute of Technology (MIT) trabalhos de inovação tecnológica desenvolvidos no âmbito da Equipe de Robótica do campus. Entre os dias 26 e 28 de abril, eles participaram da 7ª Conferência Internacional Empreendedorismo, Inovação, Gestão Responsável e Desenvolvimento Econômico Sustentável, realizada na instituição de ensino norte-americana.

A viagem dos estudantes rumo aos Estados Unidos iniciou-se no dia 24 de abril. Por seis dias, eles tiveram a oportunidade de conhecer uma das mais importantes instituições de ensino do mundo, estabelecer contato com professores e pesquisadores de outras instituições de ensino, brasileiras e estrangeiras, e divulgar lá fora o trabalho que realizam no Campus Capanema, utilizando a robótica para o desenvolvimento de soluções para problemas reais da comunidade em que estão inseridos.

Qualidade dos trabalhos e idade dos participantes surpreendem participantes

A idade e o nível de ensino dos estudantes surpreendeu os organizadores do evento, que reuniu cerca de 60 participantes, em sua maioria pesquisadores de pós-graduação ou professores.

“No primeiro dia do evento, o presidente da conferência pediu que os participantes se apresentassem. Quando o primeiro estudante do IFPR se apresentou, todos os presentes se surpreenderam com a idade e o nível de ensino do aluno. E a cada apresentação dos estudantes de Capanema, mais surpresos ficavam os ouvintes”, relata o professor Marcelo Lupion Poleti, do Campus Londrina, que acompanhou o grupo.

Por conta disso, foi criada uma seção especial para que os estudantes do IFPR apresentassem seus trabalhos. Mesmo assim, eles apresentaram em inglês, e tiveram audiência de outros participantes do evento, que interagiram com perguntas. “No final, eles até aplaudiram. Foi maravilhoso”, afirma o estudante Djeisson Waldov, que apresentou o trabalho Intelligent Garden Irrigation, que busca desenvolver um sistema de automação de baixo custo para pequenos produtores rurais.

O estudante conta que foi a primeira vez que participou de um evento internacional e apresentou um trabalho em inglês.

“Foi um desafio muito grande, uma mistura de felicidade com nervosismo, porque eu não sou fluente no inglês. Os outros participantes do evento gostaram muito da nossa apresentação, pelo fato de sermos alunos do Ensino Médio. Eles ficaram maravilhados e felizes por ver que estudantes tão jovens estão se dedicando a melhorar o país”, relata.

Esta foi, também, a primeira vez que o estudante viajou de avião ou que esteve nos Estados Unidos.

“O evento foi maravilhoso, ‘galera’ foi muito receptiva e gentil, pessoas muito legais. Tinha um pessoal do mundo inteiro, da Indonésia, da China, da Índia, professores do Brasil. Tinha alunos de Harvard, do MIT. Tinha muita gente diferente, com pontos de vista diferentes, projetos diferentes. Participar da conferência foi um grande aprendizado”, avalia o estudante.

Motivação para todo o IFPR

Na avaliação do professor Marcelo Lupion Poleti, a participação na conferência foi o começo de uma história que ainda pode render frutos. “Foi corrido, cansativo, mas foi motivador conhecer o MIT e apresentar um trabalho em outra língua. Que isso não termine aqui, que outros estudantes também possam alcançar seus sonhos”.

Ele também destaca que, a partir de agora, os sete de Capanema têm uma responsabilidade:

“assim como houve um grupo de pessoas que se mobilizou para ajudá-los, que eles também possam ajudar e incentivar outros estudantes, sejam eles jovens ou adultos, a perseguirem os seus sonhos”, espera.

Conheça os projetos apresentados

  • Execution Of Lessons, Exhibitions And Speeches About Arduino Technology As A Way To Incentive Human And Technological Development At Educational Institutions
    Autoria: André Luiz Dengo, Augusto Pilati Stachlewski, Kellerman Poloni Godarth, Pedro Henrique Gnoatto Rosa, Prof. Edimaldo Fialho Nunes de Oliveira, Prof. Kellerman Augusto Lemes Godarth.
  • Intelligent Garden Irrigation
    Autoria: Djeisson Waldov, Murilo Henrique Hentz, Michelle Thaís Kollenberg, prof. Edimaldo Fialho Nunes de Oliveira, prof. Kellerman, Augusto Lemes Godarth.
  • Smart Vent – Smart Ventilation For Small Size Aviaries
    Autoria: André Luiz Dengo, Augusto Pilati Stachlewski, Kellerman Poloni Godarth, Pedro Henrique Gnoatto Rosa, Prof. Edimaldo Fialho Nunes de Oliveira, Prof. Kellerman Augusto Lemes Godarth.
  • Women And Science
    Autoria: Ellen Luiza Rech, prof. Edimaldo Fialho Nunes de Oliveira, prof. Kellerman Augusto Lemes Godarth.
  • Initiation Course And Incentive To Robotic Projects Next To Students Of Secondary And Fundamental School Course
    Autoria: Murilo Hentz, Djeisson Eliezer Waldov, Ellen Luiza Rech, Michelle Thaís Kollenberg, Prof. Edimaldo Fialho Nunes de Oliveira, Pprof. Kellerman Augusto Lemes Godarth.
  • The Use Of IFAgroTech In The Practice Of Transformative Learning
    Autoria: Andre Luiz Dengo, Cleusa Caciamani, Kellerman Poloni Godarth, prof. Kellerman Augusto Lemes Godarth, prof. Edimaldo Fialho Nunes de Oliveira.
  • Low Cost Technology: Bird Cramps
    Autoria: Samuel Neitzke Pontes, André Luiz Dengo, Murilo Henrique Hentz

Na edição 07/2019 do Se Liga, programa do canal Conexão IFPR, no Youtube, e em reportagem exibida pelo programa Caminhos do Campo, da RPC TV, você fica sabendo um pouco mais sobre os projetos apresentados, além de conhecer outros integrantes do grupo e os esforços empreendidos pelos estudantes do IFPR para tornar viável a viagem ao MIT.

Galeria de Fotos

Leia mais

Topo