Portal Padrão Barra de Identidade Visual do Governo Federal na Internet - APLICAÇÃO do Governo Brasileiro

Igualdade Racial e Direitos Humanos: evento e composição de comissões marcam a semana no IFPR

Publicado em 08/05/2018

O Campus Curitiba sediou, nos dias 07 e 08 de maio, o evento “130 Anos de Lei Áurea” [que acontece dia 13 de maio], promovido pela Defensoria Pública da União no Paraná. A participação no encontro acontece em momento importante, visto a instituição da Comissão que visa a regulamentação dos Núcleos de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas (Neabis) do IFPR — no último dia 07 — que ampliará os debates nesta temática ao âmbito institucional e estadual.

A resolução dos Neabis terá como objetivo estabelecer diretrizes e princípios que irão nortear ações e fomento aos estudos das questões étnico-raciais, culturas indígenas ou intersecções de raça, gênero e classe, levando em consideração as políticas públicas educacionais e legislação vigente, listadas na Chamada Interna 04/2018.

Mônica Luiza Simião Pinto, Diretora de Extensão, Arte e Cultura, que representava o IFPR na mesa de abertura do evento da DPU afirma sobre a relevância de momentos de amplo debate: “o dia 13 de maio serve como um momento de reflexão sobre as desigualdades raciais existentes em nosso país. O evento trouxe a oportunidade de escutarmos diferentes vozes, de nos emocionarmos com as muitas histórias e experiências e, em especial, de nos inspirarmos em pessoas que vivem uma luta diária contra a desigualdade racial. O IFPR, como instituição pública de ensino, traz como compromisso a inclusão e valorização desta diversidade, além do combate ao racismo tão presente em nossa sociedade”.

Ainda no dia 07 de maio, foi divulgado o resultado dos selecionados para compor a Comissão de elaboração e regulamentação do Programa Institucional de Educação em Direitos Humanos do IFPR (PIDH).  A Resolução do Programa Institucional de Educação em Direitos Humanos visa consolidar ações e políticas institucionais voltadas à Educação em Direitos Humanos, levando em consideração as políticas públicas educacionais e legislação vigente, que constam na Chama Interna 05/2018.

Saiba mais

 

 

 

Galeria de Imagens